Artigos

Conectivos para Redação: Melhore Seu Texto!

conectivos para redação

Conhecer e dominar os conectivos para redação é essencial para melhorar a qualidade do seu texto. Os conectivos são palavras ou expressões que interligam as frases, orações, parágrafos e proporcionam coesão textual e fluidez das ideias. Eles desempenham um papel primordial na construção do texto e ajudam a estabelecer relações de prioridade, continuidade, comparação, contraposição, alternância, condição, adição, entre outros. Conhecer os tipos de conectivos disponíveis e saber como utilizá-los corretamente podem fazer a diferença na sua redação, tornando-a mais coesa e bem elaborada.

O que você aprenderá neste artigo

  • Os diferentes tipos de conectivos para redação;
  • Exemplos de como usar conectivos corretamente;
  • A importância dos conectivos para a coesão textual;
  • Como praticar o uso de conectivos por meio de exercícios;
  • Dicas para aprimorar a escrita conectiva em redações.

Tipos de Conectivos para Redação

Existem diversos tipos de conectivos que podem ser utilizados na redação. Eles podem ser categorizados de acordo com a relação que estabelecem entre as partes do texto. Alguns dos principais tipos de conectivos são:

  1. Conectivos de prioridade e relevância: utilizados para apresentar ideias importantes no início das frases;
  2. Conectivos de continuidade e tempo: indicam a sequência dos acontecimentos ou das ideias;
  3. Conectivos de comparação, semelhança ou conformidade: estabelecem relação com ideias já apresentadas anteriormente;
  4. Conectivos de condição ou hipótese: utilizados para expressar situações condicionais ou hipotéticas;
  5. Conectivos de adição e continuação: acrescentam informações relacionadas ao que foi dito anteriormente;
  6. Conectivos de dúvida: inserem elementos de incerteza no texto;
  7. Conectivos de certeza ou ênfase: enfatizam algo que é certo ou indiscutível;
  8. Conectivos de surpresa ou imprevistos: destacam algo inesperado ou que não estava previsto;
  9. Conectivos de ilustração ou esclarecimento: esclarecem ou exemplificam algo que foi apresentado anteriormente;
  10. Conectivos de finalidade, propósito ou intenção: indicam um objetivo a ser alcançado;
  11. Conectivos de lugar, proximidade ou distância: indicam a localização ou distância entre elementos;
  12. Conectivos de conclusão ou resumo: resumem as ideias apresentadas anteriormente;
  13. Conectivos de explicação, consequência e causa: explicam as causas e consequências de algo;
  14. Conectivos de oposição, contraste, restrição, ressalva: estabelecem uma contraposição ou restrição de ideias;
  15. Conectivos de alternância: apresentam opções alternativas.

Conectivos de Prioridade e Relevância

Os conectivos de prioridade e relevância desempenham um papel fundamental na redação. Ao utilizá-los no início das frases, é possível apresentar ideias importantes e dar destaque a elas. Esses conectivos são essenciais para chamar a atenção do leitor e transmitir a importância das informações apresentadas.

Alguns exemplos de conectivos de prioridade e relevância são: “Em primeiro lugar”, “Antes de tudo”, “Principalmente”, “Sobretudo” e “Primordialmente”. Essas expressões ajudam a estabelecer uma ordenação de ideias e evidenciar a importância de determinadas informações no texto.

Ao utilizar conectivos de prioridade e relevância, você pode criar um texto mais assertivo e persuasivo, direcionando a atenção do leitor para os pontos cruciais do seu argumento.

Exemplo:

“Em primeiro lugar”, é importante ressaltar a necessidade de preservação do meio ambiente. Antes de tudo, devemos compreender a importância da sustentabilidade para as futuras gerações. Principalmente, é fundamental adotarmos práticas conscientes no nosso dia a dia. Sobretudo, devemos repensar nossos hábitos e primordialmente agir de forma responsável em relação ao meio ambiente.”

Utilizando conectivos de prioridade e relevância, é possível transmitir a mensagem de forma clara e objetiva, direcionando a atenção do leitor para informações essenciais. Além disso, eles contribuem para a coesão e coerência do texto, organizando as ideias de maneira harmoniosa e lógica.

Conectivos de Prioridade e Relevância Exemplos
Em primeiro lugar Em primeiro lugar, é necessário mencionar os benefícios dessa medida.
Antes de tudo Antes de tudo, precisamos compreender a importância dessa questão.
Principalmente Principalmente, devemos nos concentrar nos aspectos positivos dessa iniciativa.
Sobretudo Sobretudo, é imprescindível considerar as consequências a longo prazo.
Primordialmente Primordialmente, devemos agir de forma ética e responsável.

Conectivos de Continuidade e Tempo

Os conectivos de continuidade e tempo são utilizados para indicar a sequência dos acontecimentos ou ideias no texto. Eles permitem que o leitor acompanhe a progressão das informações de forma clara e organizada.

Alguns exemplos de conectivos de continuidade e tempo são:

  • Então“: indica a consequência lógica de um fato ou ideia apresentada anteriormente.
  • Logo“: indica que uma ação ocorrerá em seguida a outra.
  • Imediatamente“: indica que algo vai acontecer sem nenhuma interrupção de tempo.
  • Anteriormente“: faz referência a algo que ocorreu em um momento anterior.
  • Em seguida“: sugere que algo acontecerá logo após a ação ou evento anterior.
  • Por fim“: indica o último passo ou evento de uma sequência.

Esses conectivos ajudam a estabelecer uma ligação entre as partes do texto, garantindo a fluidez na leitura e compreensão das informações apresentadas.

Conectivo Significado
Então Indica a consequência lógica de um fato ou ideia apresentada anteriormente.
Logo Indica que uma ação ocorrerá em seguida a outra.
Imediatamente Indica que algo vai acontecer sem nenhuma interrupção de tempo.
Anteriormente Faz referência a algo que ocorreu em um momento anterior.
Em seguida Sugere que algo acontecerá logo após a ação ou evento anterior.
Por fim Indica o último passo ou evento de uma sequência.

Conectivos de Comparação, Semelhança ou Conformidade

Os conectivos de comparação, semelhança ou conformidade desempenham um papel crucial na escrita, permitindo estabelecer uma relação significativa com ideias ou conceitos já mencionados anteriormente. Esses conectivos têm o poder de reforçar a coerência do texto, destacando a conexão entre diferentes partes. Ao utilizar esses conectivos, é possível fortalecer os argumentos apresentados e promover uma melhor compreensão do leitor.

Alguns exemplos de conectivos de comparação são:

  • Da mesma forma
  • Igualmente
  • Assim como
  • De acordo com
  • Do mesmo modo

Esses conectivos permitem comparar ideias, traçando paralelos entre conceitos e reforçando a argumentação. Eles desempenham um papel fundamental na construção de um texto coeso e convincente.

Além disso, existem os conectivos de semelhança, que enfatizam a similaridade entre diferentes elementos. Alguns exemplos são:

  • Similarmente
  • Do mesmo modo
  • Tal como
  • Assim como
  • De maneira análoga

Esses conectivos são úteis para estabelecer relações de semelhança, ressaltando as afinidades entre diferentes conceitos ou aspectos do texto.

Por fim, temos os conectivos de conformidade, que indicam a acordo ou conformidade com ideias anteriores. Alguns exemplos são:

  • Concordantemente
  • Nesse sentido
  • De acordo com
  • Em conformidade
  • Sob essa perspectiva

Esses conectivos permitem mostrar a concordância entre ideias, enfatizando a coesão e fortalecendo a argumentação do texto.

Em suma, os conectivos de comparação, semelhança ou conformidade desempenham um papel essencial na escrita conectiva, permitindo estabelecer relações significativas e reforçar a coerência do texto. Ao utilizá-los adequadamente, é possível construir um texto coeso, convincente e facilmente compreensível pelo leitor.

Tipo de Conectivo Exemplo
Conectivo de comparação Da mesma forma
Conectivo de semelhança Assim como
Conectivo de conformidade De acordo com

Conectivos de Condição ou Hipótese

Os conectivos de condição ou hipótese são essenciais para expressar situações circunstanciais que oferecem possibilidades e hipóteses para uma situação futura. Eles estabelecem uma relação de dependência entre diferentes partes do texto, permitindo a exploração de argumentos e cenários condicionais.

Alguns exemplos de conectivos de condição ou hipótese são:

  • Se: utilizado para indicar uma condição que, se for cumprida, terá uma consequência.
  • Caso: expressa uma condição específica que, se ocorrer, terá determinado resultado.
  • Eventualmente: utilizado para indicar uma situação que pode ocorrer no futuro, mas sem garantias.

A utilização adequada desses conectivos de condição ou hipótese enriquece o texto ao permitir a análise de diferentes cenários, o desenvolvimento de argumentos sólidos e a consideração de possibilidades futuras.

Exemplo:

Se investirmos em energia limpa, poderemos reduzir a emissão de gases poluentes e contribuir para a preservação do meio ambiente.

Nesse exemplo, o conectivo “se” indica uma condição que, se for cumprida (investir em energia limpa), terá uma consequência benéfica (redução da emissão de gases poluentes e preservação do meio ambiente).

Conectivos de Adição e Continuação

Os conectivos de adição e continuação são essenciais na redação, pois permitem acrescentar informações relevantes ao que foi mencionado anteriormente no texto. Eles proporcionam ao autor a oportunidade de expandir as ideias e desenvolver argumentos de forma mais completa, garantindo a coesão e a fluidez do texto.

Alguns exemplos de conectivos de adição e continuação são:

  • Além disso: introduz informações adicionais que contribuem para a compreensão do tema.
  • Demais: complementa a informação anterior, enfatizando a variedade de elementos relacionados ao assunto.
  • Ademais: acrescenta argumentos ou detalhes que reforçam a linha de raciocínio do autor.
  • Outrossim: destaca outra perspectiva ou aspecto importante a ser considerado.
  • Também: indica que a informação apresentada está em consonância com o que foi dito anteriormente, reforçando a conexão entre os pontos abordados.

Ao utilizar esses conectivos com propriedade, é possível enriquecer o texto com informações relevantes, promovendo uma visão mais ampla e aprofundada sobre o tema em discussão.

conectivos de adição e continuação

Conectivo Exemplo
Além disso O autor apresentou argumentos convincentes. Além disso, ele incluiu exemplos práticos para ilustrar suas ideias.
Demais O tema abordado é complexo. Demais, requer uma análise aprofundada de diferentes perspectivas.
Ademais A ciência avançou consideravelmente nas últimas décadas. Ademais, novas descobertas reforçam a importância da pesquisa em todas as áreas.
Outrossim A sustentabilidade é fundamental para o futuro do planeta. Outrossim, reconhecer sua importância é responsabilidade de todos.
Também As novas tecnologias são benéficas para a sociedade. Também, proporcionam facilidade de acesso à informação e agilidade nas tarefas cotidianas.

Conclusão

Os conectivos para redação desempenham um papel fundamental na melhoria da qualidade do texto. Ao estabelecer relações entre as partes, eles garantem a coesão textual e a fluidez das ideias, contribuindo para uma redação mais clara e bem estruturada. Conhecer os diferentes tipos de conectivos e saber utilizá-los adequadamente é essencial para compor uma redação coesa.

Através do domínio dos conectivos, é possível aprimorar a organização e clareza do texto, tornando-o mais compreensível para o leitor. Além disso, a utilização correta dos conectivos eleva a qualidade do texto, transmitindo suas ideias de forma eficaz.

Portanto, para melhorar suas habilidades na escrita, pratique o uso dos conectivos e busque aprimorar sua redação conectiva. Compreender a importância dos conectivos e sua aplicação adequada é um passo crucial para alcançar uma redação coerente e bem elaborada.

Links de Fontes

Deixe um comentário

Conversar agora
1
Vamos conversar!
Olá
Estamos online!